domingo, 9 de Novembro de 2008

"Mo Cuishle"

"Mo Cuishle" - Esta é expressão que ficou gravada em Mim, pelo Seu Significado. Foi no Filme "Million Dollar Baby" que a conheci, e tornou-se uma "bandeira" na Minha Vida. No Filme o seu Significado é "My darling, my blood"...
É uma expressão Irlandesa, mais concretamente, um dialeto Irlandês - Gaelic. Correctamente escrve-se "Mo Chuisle" mas pronuncia-se da forma como uso a expressão em Título. Tem praticamente o mesmo significado que no filme - "My pulse", mas tambem "My love" ou "My darling", descobri também esta expessão - "A Chuisle mo Chroí" qu significa "Pulse of my Heart"... É daqui que vem a expressão, é este o seu Signicado.
Só mais uma curiosidade sobre a expressão - Quando nos referimos directamente à Pessoa diz-se "A Chuisle". Quando falamos da Pessoa, então usamos "Mo Chuisle"
Tudo isto, para dar uma ideia da raiz desta Expressão. Mas mais importante é o seu Significado, e é apartir dele, que eu me dediquei ao lançamento deste Blog.
"Mo Cuishle" é uma "Bandeira" na minha vida, pois eu vivo esse Sentimento, o seu significado vive na minha ALMA, e eu sigo-a incondicionalmente, como se tratasse da minha Bússola, do meu Norte.
No meu "Mo Cuishle" encontrei O Meu Sangue, O Meu Pulsar do Coração, encontrei O Meu Significado desta expressão - A Essência do AMOR, no seu verdadeiro e puro sentimento.
....
Termino com esta mensagem - Segue a Tua ALMA, Não Temas Encontrar-Te a Ti Próprio.
Miguel Castro
PS - Encontrei esta expressão no Filme "Million Dollar Baby"
Não traduzi algumas expressões, porque gosto da sua sonoridade...

11 comentários:

Anónimo disse...

teras sempre capacidade de me surpreender ainda mais...
a vida altera as coisas...serei algum dia capaz de desafiar o meu proprio destino...?! CAM
beijo com saudade

Loba Das Estepes disse...

És um "lobo", não te envergonhas do teu lado mais primitivo, da tua espiritualidade...
Fazes parte desse mundo em que a intuição, a criatividade, a aguda percepção, nos leva à concretização de todos os nossos objectivos.!;)
Reconhecer-te é como "voltar a casa" e rever a capacidade de afecto e coragem em enfrentar todos os medos, à mistura com o enorme prazer em estar vivo!:)

Mts "uivos"

Magui disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...

Vi essa expressão no filme menina de ouro, um cena muito comovente!

Choreeeei muito.
-
Mo cuishle: MEU SANGUE. ♥

Dináh Lobato disse...

Assisti a esse filme hoje.


Eu quero que o dono deste blog saiba que encontrar-se a si mesmo é tentar buscar-se. Tentar encontrar-se é até meio contraditório, um tanto discutível. Ora, se preciso buscar, procurar, encontrar é porque perdi. Será que você se perdeu? Será que há realmente a alma? Será que você possui mesmo uma alma perdida? Ou você busca encontrar sua personalidade, sua razão de existir? Respostas para perguntas estúpidas como "Quem sou?" "Porque Sou?" "O que é que me faz agir?" "O que é o meu espírito?" Deve-se pensar.

Gostei do texto, gostei do filme que assisti. Gostei da razão pela qual intitulou o blog. Passarei a segui-lo por isso, substancialmente por isso.



Dináh Lobato.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Deby disse...

Olá...Eu tenho uma tatoo no ante braço com essa expressão...Quando vi o filme "Menina de Ouro " simplesmente me apaixonei pela expressão e seu significado...todo mundo me pergunta o que significa,sempre explico...mas,poucos entendem o real valor que isso tem...bjos =)

Anónimo disse...

Nunca tinha visto esta expressão.. Mas adorei, uma expressão que demonstra muito sentimento, e acredito que vou usá-la bastante daqui pra frente.. E gostei muito do blog, parabéns..
#Daia Duerre

driftin' disse...

Às vezes chega-se tarde àquele tempo que já existia muito antes de ser dobrada a esquina da memória.

Um dia, logo depois de ter visto o filme de Clint Eastwood, senti necessidade de pegar numas quantas palavras e escrever um retrato a que chamei "mo chuisle". Hoje, chegado aqui - tarde, está bem de ver - pareceu-me adequado dar-lhe "vida". Está gasto, não tem moldura, mas continuo a gostar dele.

...

Talvez dos lados do silêncio, cheguem os sinais daquelas madrugadas que apenas os sonhos recordam. Talvez, então, o sorriso se possa espraiar pelas margens mais longínquas da ternura.

Hoje, as palavras sufocam nos lábios da memória, enquanto o corpo se torna transparente e se envolve nas minuciosas metáforas do olhar, como se o cansaço lhe condicionasse os gestos eloquentes. O que resta já não tem as cores da primavera e o nevoeiro vai ficando mais cerrado.

Que penosos são os passos que tentam não sucumbir no limiar dos degraus da solidão…!

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...

Menina de ouro
parei p ver este filme h! E fiquei mto comovido. No momento q ator clint diz o sentido sentido da palavra p a atriz hylari foi mto comovente.
mas q situaçao. Gostei mto do filme mas lógico gostariamoss q tivesse um final diferente. Jamais esquecerei daquele filme...